Recife: João Campos (PSB) cresce e ameaça virada sobre Marília Arraes (PT)

Em pesquisa Datafolha, Marília Arraes (PT) lidera com 43% das intenções de voto, João Campos aparece com 40%. O levantamento mostrou razoável crescimento do candidato do PSB




Marília Arraes (PT); João Campos (PSB). Divulgação

A disputa pela prefeitura da capital pernambucana está bastante acirrada, a briga entre os primos pela chefia do executivo municipal, de fato, só se encerrará nas urnas com a votação de segundo turno que ocorre neste domingo, 29.

De acordo com pesquisa Datafolha divulgada ontem, 26, os dois candidatos estão tecnicamente empatados. Em números totais, Marília Arraes (PT) lidera com 43% das intenções de voto, João Campos (PSB) soma 40%. Brancos e nulos são 13%, os que não souberam são 4%. Como a pesquisa conta com margem de erro de três pontos percentuais, para mais ou para menos, os dois postulantes estão tecnicamente empatados.

Quando são considerados apenas os votos válidos, ou seja, descartando brancos nulos e indecisos, Marília atinge 52%, ante 48% de João. Neste quadro o empate técnico também se mantém.

Todavia, o candidato do PSB observou um crescimento considerável nos últimos dias, na primeira pesquisa de segundo turno, divulgada em 19 de novembro, João Campos atingia 34% das intenções de voto, agora são 40%, um crescimento de 6%. Marília Arraes também cresceu, porém, em ritmo menor, no primeiro levantamento ela somava 41%, passando para 43%, logo, são 2% de incremento.

A campanha pelo executivo recifense vem sendo bastante conturbada, por diversos aspectos, alguns ligados a questões familiares, como dito inicialmente os dois candidatos são primos. Mas também porque a candidata do PT vem sofrendo com uma série de notícias falsas a seu respeito, recentemente foram espalhados pelas ruas um conjunto de panfletos sem identificação e que buscavam macular a imagem da petista junto a uma parte do eleitorado.

As duas campanhas estão em tom elevado, e alguma normalidade nestas relações só será reestabelecida após 29 de novembro. O atual contexto recifense é de indefinição.

A pesquisa foi realizada entre os dias 24 e 25 de novembro e foi ouviu 1036 eleitores. O levantamento foi encomendado pela Rede Globo e pelo Jornal Folha de S. Paulo. Segundo o Datafolha, instituto que a realizou, o nível de confiança é de 95%.

Carregar mais Posts Relacionados
Carregar Mais Por Paulo Junior
Carregar Mais Em Eleições

Sobre Paulo Junior

Graduando em jornalismo pela UFCA e um apaixonado por política, literatura e cinema.E-mail: [email protected]

Últimas

Assine nossa newsletter e receba nossas novidades por email

Mantemos os seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam este serviço possível. Leia nossa política de privacidade.